Faça um orçamento Faça um orçamento
Grhowth Hacking

Growth Hacking Entenda do que é e Como Aplicar em Seu Negócio Online

setembro 7, 2016 10:04 pm Publicado por Deixe um comentário

I think you will spend 438 seconds reading this post

Nos últimos três anos, profissionais de Marketing Digital e Startups vêm falando muito em growth hacking e em crescimento  dos resultados. Mas como tudo na vida, teoria e prática são coisas bem diferentes. O melhor modo de se aplicar uma técnica no negócio é entender o que ela realmente é e qual problema ela resolve,  testar na prática e ter certeza de que os resultados vão agradar. 

Mas o que é Growth Hacking? 

Sean Ellis

Sean Ellis foi quem criou o termo growth hacking em 2010. Simplificando, o papel do growth hacker é sempre ficar no de olho nos dados de ferramentas de análise de forma inovadora para, criar processos que façam o negócio crescer, seja ele um serviço, ferramenta ou um produto.

Definição simples de Grhowth Hacking

Growth = Crescimento

Hacking  = Atalho

Growth + Hacking = Growth Hacking “Atalho para o crescimento”

Nem tudo se resolve com mais trabalho, pessoas ou dinheiro. Encontra atalhos para chegar mais rápido no seu objetivo – seja ele aumentar o faturamento ou alcançar mais pessoas, descobrir qual parafuso apertar, efim – é essencial e, para isso, é preciso novas ferramentas e canais de aquisição de tráfego. 

elementos growth hacking

Entendendo um pouco do Growth Hacking

O papel do profissional de Growth Hacking é fundamental para qualquer empresa, ainda mais nessa época de crise no Brasil, com um cenário econômico nada favorável. O objetivo é sempre testar soluções, melhorar e buscar crescimentos pequenos todos os dias; um exemplo: um crescimento de 10% mês a mês resulta em crescimento de 120% ao ano. Lembra do ditado “de grão em grão, a galinha enche o papo”? 

Exemplo de crescimento mês a mês: 

Gráfico de Receita

Exemplo Recipe

É um exemplo hipotético, mas não é impossível: com 10.000 visitas e uma receita R$ 50.000,00 no início do ano, com o crescimento de 10% ao mês, ao final do ano serão 285.312 visitas e uma receita R$ 142.665,84. 

Gráfico Visitas

Exemplo Visit

Quem é esse profissional ?

O professional Growth Hacker é um profissional multidisciplinar – mais conhecido como T-Shaped People: profissional com esquema de trabalho em forma de T com conhecimentos em diferentes áreas, conforme a imagem abaixo:

profession t-shirted

Algumas das áreas de atuação de um Growhhacker

                                                                                                                                                                              google analyticsWeb analytics – ferramentas de análise como Google Analytics e Facebook Insights de KPI  – key performance indicator (indicadores chave de performance) – com trafego, sessões, tempo de permanência, origem do trafego, visão demográfica e geográfica,  taxa de conversão, taxa de rejeição entre outras do site ou e-commerce para tomada de decisão.

gooogle adwords

 Links Patrocinados ferramentas como Google Adwords, Bing Ads, Facebook Ads entre outras que  fornecem espaço de anúncios no forma PPC (Pay Per Click).

How Google Remarketing Works

 

Remarketing e Retarget – é possível re-impactar quem já visitou seu site ou e-commerce! Essa técnica funciona com um script que é inserido em todas as páginas dos sites; ele rastreia a navegação do usuário e guarda um cookie no navegador do usuário

 

seo otmização de sitesSEO Search engine optimization  – Técnicas aplicadas ao site ou e-commerce para melhorar a leitura e indexação dos mecanismos de busca como Google e Bing  para  aparecer bem posicionado nos resultados de pesquisa estratégico do seu negócio , gerando visitas, leads e vendas.

 

otimização de conversão croCRO Conversion Rate Optimization – ou mais conhecido por otimização de conversão é basicamente aumentar as vendas com o mesmo número de clientes ou visitantes de um negócio online.
Um exemplo prático: um site com 100 visitas e 1 venda de R$ 100,00 tem a taxa de conversão de 1% 100/1=1%. Se aumentar para duas vendas, a taxa será 2% e o 
faturamento aumentou para R$ 200,00. Para chegar a resultados desse tipo, é preciso estudar os problemas atuais criando hipóteses melhores de página, fazer testes A/B com inteligência analítica e ver qual é melhor resultado, refazendo o teste num ciclo continuo.ux expericia do ususario

UX User Experience – consiste em projetar a melhor experiência para o usuário quando ele utiliza um serviço ou produto, reduzindo ao máximo as interações negativas que possam impedir que a ação seja concluída.

inbound marketing By Visual-Hunt-creativecommons.orgInbound Marketing – técnicas de criação de conteúdo útil e relevante que agregue valor sobre produtos ou serviços que vão ajudar o usuário na jornada de compra ou qualificando o lead, ou ainda  facilitando o trabalho de vendas e diminuindo o CAC) Custo de Aquisição de Cliente).

Marketing de conteúdo ou Content Marketing é a estratégia de engajar com seu público-alvo, entregando conteúdo que é valioso content marketingpara ele no momento que ele tem uma necessidade, e está no inicio ou no meio da jornada de compra, ajudando na tomada de decisão utilizando dos conhecimentos no dia a dia; o profissional dessa área precisa ser generalista em alguns momentos, mas especialista na solução que entrega para o cliente com seu produto ou serviço. Testar, validar e melhorar é um caminho sem fim para o crescimento.

auotmação de marketing Automação de marketing – é o sonho de muitos profissionais quando descobrem que é possível automatizar uma sequência de e-mails de acordo com o comportamento no seu site. Só que isso não significa que o trabalho será menor; a mão de obra acaba sendo direcionada na estratégia da sequência e regras da automação de e-mail. Com uma estratégia bem executada, é possível gerar muitos novos negócios com a lista que você já tem e dos leads que vão sendo captados.

 

testes e experimentos

Testes e experimentos – os testes são uma grande fonte para aumentar o faturamento sem ter que pedir mais verba para marketing, quando se tem um volume de visitas considerável. Um dos modelos mais conhecidos é o Teste A/B onde se cria um versão A de uma página e uma versão B baseada numa hipótese de página vencedora; por meio de ferramentas, é possível direcionar um percentual de tráfego para rodar simultaneamente nas página A e B e, após um tempo determinado no inicio do teste, é possível descobrir qual página cumpriu melhor o objetivo – que foi configurado na ferramenta -, que pode ser venda ou lead. 

native adsNative Ads – também conhecida como publicidade nativa, que pode estar presente na página que usuário está navegando, mas não parece um formato de anúncio padrão como banner. O objetivo é aparecer da forma mais natural possível e não incomodar o usuário, mas entregar a mensagem do produto ou serviço. São exemplos de plataformas de native ads o Taboola e Outbrain.

programa afiliadosPrograma de Afiliados – o afiliado é como um representante comercial da sua empresa, só que para vender ele só precisa de um link. Exemplo: suaempresa.com.br/produto?afiliado, no qual ele recomende seu produto ou serviço e, sempre que alguém comprar por esse link, ele será remunerado com um percentual previamente acordado. Existem diversas plataformas que ajudam em gerenciar afiliados; basta ver qual melhor atende à necessidade do negócio.

compra de midiaCompra de mídia – a negociação em locais estratégicos com veículos como portais e blogs, que têm tráfego do seu possível público alvo, pode aumentar a taxa de conversão de lead e vendas qualificadas – mas para isso é necessário pesquisar e estudar veículos e negociar diretamente ou propor uma parceria que seja vantajosa para ambas as partes.

analise de dadosAnálise de dados – após diversas ações para aumentar as vendas, é primordial saber qual é a mídia mais rentável (para dar a atenção necessária) e as que não dão resultado (para cortar ou avaliar a estratégia executada); nem sempre o que vende mais é a melhor mídia. A taxa de conversão é um dos KPI mais importantes, por isso vale a pena ver se o potencial da mídia está sendo explorado ao máximo.

Ferramentas – para ganhar produtividade no trabalho e ter dados valiosos, existem muitas ferramentas gerar relatórios, criar landing pages, idéias de palavras-chave, gerenciamento dos leads, etc.,  e surgem novas ferramentas todos os meses. Na lista abaixo , você pode conferir algumas. 

  • RD Station
  • Mautic
  • SemRush
  • Harefs
  • Majestic

Cases de Growth Hacking

dropbox evernote mcdolnaldsread hat spotify  whatsapp uber buzzfeedeasy taxiairbnbfacebook Snapchat

twiterNetflix

Conclusão

Growth Hacking – “Atalho para o crescimento” dá tanto trabalho como outras técnicas e, se pararmos para pensar, antes de 2010 já aplicávamos técnicas que hoje são hacks! O importante é pensar sempre que a evolução do consumidor deve ser acompanhada pelas empresas que querem ter resultados sustentáveis e de forma exponencial,  não mais do modo linear sem metas e objetivos, se contentando com a média do mercado. Até o próximo artigo! 

 

Categorizados em:


Robert Sena Silva

Sou Robert Sena da Silva sou Analista de SEO - Search Engine Optimization traduzindo para uma linguagem menos técnica "Ajudar as empresas a venderem online pelos mecanismos de busca Google, Bing, Yahoo...